Jovem Aprendiz Banco do Brasil – Faça sua inscrição

No momento atual, em meio a um recessão da economia e dos empregos no país, se faz muito necessário ter experiência de sobra para conseguir se destacar com seu currículo. Mas, para os que nunca tiveram oportunidades no mercado de trabalho até então, e nem mesmo possuem carteira assinada, isso se torna uma desafio maior ainda, e acaba sendo algo mais difícil de se realizar. No entanto, existe uma saída para os jovens que precisam garantir sua primeira experiência no mercado de trabalho.

Trata-se do programa Jovem Aprendiz do Banco do Brasil 2021, que poderá ajudar vários jovens a se inserirem no mercado de trabalho e conseguir uma boa oportunidade para constar seu seus currículos, fazendo com que no futuro este seja alavancado e conquiste seus objetivos. Caso você não saiba do que se trata o programa em questão, nós vamos falar um pouco a respeito dele ao longo deste artigo, e explicaremos como fazer parte do programa também.

Primeiramente, o Jovem Aprendiz do Banco do Brasil 2021 é um programa que tem como objetivo dar chance para o público jovem de uma forma geral, que ainda não conseguiu ter uma oportunidade de se inserir no mercado de trabalho. Com isso, o jovem poderá garantir o seu primeiro emprego, e com isso conquistar mais experiência para no futuro conquistar uma promissora carreira profissional.

O Jovem Aprendiz é um projeto que foi criado pelo Governo Federal, e ele obriga que grandes e médias instituições garantam em seus ambientes de trabalho, vagas que são destinadas a estes jovens, que entram na empresa em questão por meio do programa. Além disso, trata-se de uma oportunidade gigantesca para os jovens que estão em busca de um oportunidade no mercado de trabalho para conseguir conquistar experiência, e entrar de forma eficaz neste mercado.

De acordo com o desempenho do jovem ao longo da sua atuação na empresa, e ele pode acabar sendo até mesmo efetivado como parte do quadro de funcionários da instituição em questão onde iniciará como Jovem Aprendiz, ou seja, os jovens que adentram a este programa podem conquistar a oportunidade de não só trabalhar nestas empresas por um período de tempo e adquirir experiências, como a depender de sua desenvoltura, podem conquistar um trabalho maior e efetivado.

Portanto, é precioso que o jovem tenha sempre em mente que ao adentar ao programa, é preciso sempre dar o seu melhor em todas as atividades que forem propostas pela empresa, e mostrar que você está disposto a conquistar o seu lugar de fato no local de trabalho, mostrando que seu desejo de trabalho na instituição não é passageiro. Desta forma, muitos jovens conseguem de fato ficar fixados nos quadros de funcionários de locais onde iniciaram com programa.

Diferente do que é feito por outras instituições, o Banco do Brasil tem o costume de puxar um pouco de todas as atividades que são solicitadas aos jovens aprendizes. Isto é, este programa ainda é descrito como sendo menos assistencialista e mais meritocratico do que outros que são propostos por outras instituições. De acordo com isso, o objetivo é fazer com que leve-se experiências que possam se assemelhar mais como uma tutela profissional do Banco do Brasil durante o período em que o jovem trabalhar para a empresa.

O programa foi garantido após a Lei da Aprendizagem, Nº 10.097/2000 que foi ampliada pelo Decreto Federal Nº 5.598/2005 Com isso, ficou definido que empresas que são de médio e grande porte devem contratar um número mínimo que seja de Jovens Aprendizes, devido a isso, este número deverá ser entre 5% a 15%.

 

A Lei do Programa, aponta que o Jovem Aprendiz é aquele que deve estudar e trabalhar, ao mesmo tempo que está recebendo uma formação na profissão que está sendo executada, que estará fazendo com que este jovem se torne capacitado na mesma.  Caso o jovem ainda não tenha concluído o Ensino Médio, ele deve permanecer indo a escola de forma regular para participar do programa, e precisa estar matriculado e cursando o ensino técnico profissional que é conveniado com a empresa em questão.

Além dos benefícios que os jovens conquistam pela grande experiência que irão adquirir com este programa, dentro da instituição em questão, o Banco do Brasil também oferece vários outros benefícios para os jovens que adentrarem ao seu programa do Jovem Aprendiz. Entre os benefícios os jovens irão receber vale transporte, vale alimentação, remuneração no valor de um salário mínimo, férias, décimo terceiro salário, seguro saúde e também contarão com uma orientação profissional e material fornecido para uma seleção externa do Banco do Brasil.

Para se cadastrar no programa, os jovens deverão levar em consideração alguns requisitos que serão essenciais para serem selecionados na avaliação que é feita de forma criteriosa pelas pessoas responsáveis por conferir os cadastros e currículos que são enviados pelos jovens que estão interessados em adentrar ao programa. É preciso que esteja dentro de todos os requisitos para conquistar aprovação. O candidato poderá ser eliminado caso não os cumpra.

Dentro os requisitos que são exigidos pelo programa é pedido por um histórico escolar satisfatório, o jovem deve estar matriculado em uma escola pública, é preciso que este esteja ainda cursando o 9º ano do ensino fundamental. A renda familiar do jovem interessado no programa é preciso que seja até meio salário mínimo per capita, e preferencialmente que a família seja beneficiada por algum programa social do Governo. Além disso, os jovens precisam ter idades entre 15 anos a 15 anos e 10 meses.

Da mesma forma como outras instituições, o Banco do Brasil deixa que a seleção dos Jovens Aprendizes sejam feitas por entidades, bem como  CIEE. Dito isso, é necessário que se faça a inscrição no banco de dados da instituição em questão para conseguir participar do programa, e espere pela abertura do processo seletivo para o Jovem Aprendiz do Banco do Brasil. As seleções são feitas todos os anos, mas não existe um mês fixo para que isso aconteça.

Primeiramente o jovem terá que acessar o site da CIEEE, e posteriormente, será feito um cadastro no banco de dados, onde deverá ser enviado o seu currículo com nomes e dados como email, RH, telefone e o endereço. Após isso, é preciso somente esperar para que se inicie o processo seletivo.

Quais são os requisitos para se tornar um Jovem Aprendiz?

Jovem Aprendiz Bradesco: Como se inscrever